Aviões de guerra estrangeiros voando nos céus de Israel

F-16 da Força Aérea da Grécia, armado, pronto para decolar de base aérea em Israel durante os exercícios militares Blue Flag.

É comum para os israelenses olharem para o céu quando passam seus aviões e helicópteros de combate nas patrulhas e exercícios. Só que nesta segunda-feira, dia 6 de outubro muita gente deve ter se assustado ou ficado sem saber o que está acontecendo já que há mais de 100 aviões de combate com insígnias de outros países nos ares do Estado Judeu.

É a maior operação Blue Flag (Bandeira Azul) realizada até hoje. São exercícios  de combate aéreo simulado e ataque real ao solo, aproveitando os excelentes campos de tiro para aviões que Israel possui.

Além dos aviões, estão em Israel centenas de militares de manutenção, apoio no solo, controle de voo e observadores, trocando informações e experiências, vindos dos Estados Unidos, França, Alemanha, Itália, Grécia e Polônia. Pele primeira vez a Índia participa da Blue Flag, tendo enviado uma unidade de Comandos composta por 45 homens de sua principal tropa de elite que farão atividades de treinamento de ataque transportados por helicópteros.

José Roitberg
About José Roitberg 315 Articles
Jornalista, professor sobre o Holocausto formado no Yad Vashem e pesquisador sobre a história dos judeus e do Rio de Janeiro.

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*